O documentário apresentado a seguir se trata de uma produção clássica de 1989, Gaúcha, entitulada Ilha das Flores.

A impressão que dá ao assistir a esse vídeo é que um extra-terrestre está tentando entender o funcionamento de nossa sociedade, do capitalismo. Um humor extremamente inteligente aliado ao um soco no estômago faz com que vejamos nossa sociedade – capitalista - com outros olhos.

Ilha das Flores – Parte 1

Ilha das Flores – Parte 2

Ilha das Flores – Parte 3

Vdeos da Semana

89 comentários

  1. Rafaela
    12/08/2007 às 2:53 pm [+]

    Amei esta indicação. Um ótimo silogismo desse capitalismo . Fiquei at´[e com vontade de conhecer o novo filme do diretor “Saneamento Básico”. Indico esse filme para todos! Muito interessante mesmo!!!!

  2. Jailma
    02/01/2008 às 7:29 pm [+]

    O curta Ilha das Flores é excepcional, um olha sobre a realidade brasileira contemporânea.Sem dúvida uma denunci social apontando para a crueldade dos istema capitalista selvagem e a irrisória dostribuição de renda no Brasil e em outros países em subdesenvolviemto.

  3. Luana Di Masi
    15/02/2008 às 6:19 pm [+]

    Oie .
    na minha opiniao esse filme eh uma m**** =/
    não da para entender nada .
    simplesmente uma perdição de tempoo .

    recomendação : NÃO ASSISTEM !!!

    beeeijoos .
    =D

  4. Danielle
    04/03/2008 às 8:39 pm [+]

    O documentário Ilha das Flores, é simples e objetivo que retrata a realidade de alguns brasileiros que vivem hoje em situações mais que precárias onde não podem comer nem o lixo, comem o lixo do lixo! É um fantástico documentário e vale a pena assistir e repensar nossas atitudes …

  5. Andrea
    18/03/2008 às 2:24 am [+]

    Este filme retrata a realidade de muitas familias, não é ficção é real. É tocante quando nos colocamos diante de uma sitação como esta e percebemos que são seres humanos…depois deste filme paramos para pensar sobre quem somos e porque deixamos esta sociedade excluir pessoas, seres humanos que poderiam ter um futuro digno e humano…pensar e agir é o que falta na nossa sociedade capitalista ou seria individualista.

  6. Victorbvrr
    09/04/2008 às 6:32 pm [+]

    O documentário trata da forma pelo qual o ser humano, pode ter a sua identidade transformada pelas condições ecônomicas, perfilando uma sequência de quadros, onde induzem que a condição do homem como ser superior, entre os outros animais, é relativa se comparada a necessidade de sobrevivência, indo ao extremo limiar entre o racional e irracional, quando o que não serve para alimentar um animal, é amplamente disputado por humanos destituídos de qualquer consciência de si mesmos, reduzidos a animais famitos em disputa inglória pelas sobras da cidade, que não serviram para alguém, que não servem para alimentar um animal, mas serve para alimentar outros homens.

  7. Carolzinha
    19/05/2008 às 9:31 pm [+]

    Oie…
    Eu ñ assisti..
    Xau

  8. Laura
    26/05/2008 às 1:05 am [+]

    Ótimo filme, porém deve ser assistido com olhar critico pra não ser considerado “uma perdeção de tempo” como alguns comentarios.
    Sugiro a quem não gostou que procure dar uma olhadinha a sua volta, quem sabe na sua vida, procure estudar um pouuinho sobre o tema e assista novamente, com um outro olhar…., se mesmo assim achar uma “m****”, as 17:30 passa Malhação na Rede Globo. Assista, pois este não precisa de QI pra entender.

  9. Gabriela
    27/05/2008 às 7:16 pm [+]

    Olá…
    meu professor passou esse filme e mandou que nós fizessemos uma análise desse curta.
    De início não intendi nada do filme, mas para fazer a análise, precisaria intender, intão assisti o filme de novo, procurando entender, e estou aqui para agradecer, pois este site e os comentários aqui postados me ajudaram bastante na minha análise.

  10. Grilo
    28/05/2008 às 2:21 pm [+]

    Muito Gratificante, Gabriela.
    Como é bom saber que a gente, no meio de tanta turbulência, assuntos os mais diversos possíveis, conseguimos ajudar alguém, trazer uma discussão legal. Boa sorte no trabalho.
    Abraço.

  11. Júnior-BA
    31/05/2008 às 1:42 pm [+]

    Olá pessoal…

    Meu professor tbm passou esse curta, para ser feito uma análise…

    Realmente esse curta é muito realista, mostra de forma simples e clara os pontos negativo do capitalismo (Nem tudo são flores), Principalmente lá em “ilha das flores”, para realmente entender o curta é preciso assistir com um olhar crítico.

    São videos como este que deveriam ser passado na TV.

    O site está de parabéns, nem sei como agradecer. Como forma de agradecimento estarei divulgando o site, principalmente para os meus coléga.

    __________________________________
    Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta, que não há quem explique, e quem não entenda.

  12. Rosany
    02/06/2008 às 2:32 pm [+]

    não podemos só nos surpreender com o filme e logo após nem lembrar mais, devemos levar conosco a consciencia de que para mudar a sociedade é necessario que as nossas ações também mudem. realmente o filme é chocante e faz com que vejamos como é a realidade

  13. marii
    03/06/2008 às 1:44 pm [+]

    oi…

    esse filme eh masa…
    assistam,eh a realidade de muita gente…

    bjooo

  14. stig
    03/06/2008 às 11:14 pm [+]

    Nossa velho…fiquei de kra…

  15. Joyce
    25/06/2008 às 9:16 pm [+]

    A miinha professora passou esse fiilme como prova,
    eu não entendi dii 1°, maas eu veendo agoora enteendi tudo,
    ameei esse fiilmee,
    ee eu veejo com as peessoas passam poor cadaa circustanciia,!

    meeL deeus,!:(

    , Professora : Flaviia dee Sáá,!
    , Aluna : Joycee Teixeira ?

  16. Dinilso Marques
    29/06/2008 às 9:55 pm [+]

    Muito interesanate este filme. É lamentável que ainda existem pessoas passando necessidade em nosso país.

  17. GILMAR WAGNER
    12/07/2008 às 9:20 am [+]

    BOM DIA CAROS AMIGOS, FIQUEI IMPRESSIONADO PELA REPORTAGEM DAS ILHAS DAS FLORES,,,,MAIS AINDA COMO O CAPITALISMO EXCLUI OS SERES HUMANOS DE COISAS BASICAS COMO ALIMENTAÇÃO…ESSE FILME RICO EM DETALHES SOBRE O CAPITALISMO EM MINHA OPINIÃO TERIA QUE SER MATERIA DE ESTUDOS EM COLEGIOS E UNIVERSIDADES DESSE PAIS CONTINENTE……

  18. Grilo
    12/07/2008 às 11:03 pm [+]

    Com certeza, Gilmar. Mas esse filme é usado sim, principalmente nas universidades. Muito bacana mesmo.

  19. Eddw
    16/07/2008 às 1:47 pm [+]

    A capacidade de sobrevivencia do homem. Pena q não sabesmo direciona-la.

  20. AJ
    21/07/2008 às 11:00 am [+]

    Este E um Link direto ao Documentário Ilha das Flores, Este Documentário demonstra a vida como real mente é então não deixe de velho,
    Quando terminar de ver vai perceber
    Que ele foi gravado em 1989, mais e uma realidade que ainda nos dias de hoje não mudou em muitos lugares de nosso pais esta acontecendo coisas piores, de uma olha e veja a nossa realidade e tente mudar porque somos o Futuro desse pais !

    (By_Cairo)Post
    (By_AJ) Vídeo

    A realidade não muda, a não ser que façamos algo!

    Link Para o Documentário: http://www.4shared.com/file/56024472/292e222b /Ilha_das_Flores__Jorge_Furtado_1989_.html? dirPwdVerified=cf1a9961

  21. HAC PALMAS
    23/07/2008 às 4:45 pm [+]

    Esse filme, retrata a vida do ser humano, de como ela é tratada.
    É exatamente isso, como porcos.

  22. Samira
    05/08/2008 às 11:43 pm [+]

    Mto bom…

    “”Luana Di Masi”

    Sim, é uma “perdição” de tempo… NÃO “ASSISTEM” mesmo, pq se vc fizer isso vai ficar como a Luana, escrevendo errado e achando que sabe o que é inteligente.

    As pessoas são complicadas e parece que não procuram melhorar…. e o mundo “emburrece” a cada geração. Lamentável.

    Att.
    Samira.

  23. Luiz Henrique do Amaral
    07/08/2008 às 7:53 pm [+]

    Muito bom esse documentario, o meu professor de teoria da informação passou para a classe fazer uma analise e realmente ele se diferencia dos demais pelo fato de usar a ironia na maior parte do tempo e ainda hoje após 19 anos de existência ainda fazer sucesso.
    Só gostaria de saber como está a situação hoje em dia na “Ilha das Flores”, se alguem souber me responder.

    abraçõsss a tds!

  24. marcia cristina sousa soares
    09/08/2008 às 5:38 pm [+]

    Incrivel….este filme foi muito bem produzido,
    apesar de saber que coisas desse tipo acontece a todo momento(aliais,não me surpreenderia se alguem dissese que isso ainda acontece na ilha das flores ou em outro lugar qualquer)não há como não se chocar,parar e refletir a realidade do nosso brasil,consciência é o que falta ` muitos,inclusive a mim e a você.
    Adorei os comentérios aqui postados,que com certeza vão me ajudar no meu trabalho escolar,valeu mesmo.

    Ah….e você…ainda vê o mundo do mesmo jeito?!!?!!

  25. brener
    24/08/2008 às 7:47 pm [+]

    esse filme mostra a realidade que os seres humanos sao tratados pior que os porcos, mostra as bastidores da vida realista, daqueles moradores que lutam pela sua sobrevivencia, não é ficção é real.
    É tocante quando nos colocamos diante de uma sitação como esta e percebemos que são seres humanos…
    não podemos só nos surpreender com o filme e logo após nem lembrar mais, devemos levar conosco a consciencia de que para mudar a sociedade é necessario que as nossas ações também mudem.

  26. tayllanne
    26/08/2008 às 6:37 pm [+]

    já havia assistido mas o som estava em condições precarias já que tinha sido passaddo de vhs para dvd
    e agora tive a oportunidade de ver esse curta incrivel

    assistam…

  27. carlos eduardo
    30/08/2008 às 7:46 pm [+]

    ótimo filme , desmascara o capitalismo cruél, masacrador,que nós muitas vezes inconsiente reproduzimos,”livres” os homens ou os porcos? jamais seremos livres no capitalismo, o ser humano que pelo trabalho deveria ser livre , passa a odiar o trabalho, e´desumanisado não se reconhece no que produz e passa a ser escravo de suas próprias algemas , os objetos viram homens e os homens objetos!!!

  28. carlos eduardo
    30/08/2008 às 8:05 pm [+]

    é interesante como alguns comentários anteriores , reconhecem a situaçao drástica mas relatam como se essa realidade não fosse a dele,mas de outros seres humanos, isso porque o capitalismo nos fazem diferentes, nos competimos o tempo inteiro e não se damos conta disto!!!

  29. Alves
    30/08/2008 às 10:54 pm [+]

    O filme mostra a realidade do Brasil e de outros países.A sensibilidade que ele nos causa é que Francisco Cândido Xavier está certo, devemos nos preocupar com o outro. No dizer do grande Mestre dos Mestre “Amai vos uns aos outros, como eu vós amei(Jesus)”.
    E por outro lado, devemos dar nossa contribuição para com a sociedade e não ficar achando justificativas para o nosso fazer nada…
    ASSISTAM
    O FILME NOS LEVA A PREOCUPAR COM A CARIDADE E COM SOCIALIZAÇÃO DO CAPITAL.

  30. Paula
    12/09/2008 às 12:28 pm [+]

    Eu recomendo o filme é chocante nos leva a repensar no ato do dia e do que realmente acontece nessa
    terra de Cabral.
    Galera vamos pensar nos nossos filhos pobres deles se tudo continuar como está mesmo depois de assirtir o filme!

  31. Lola
    14/09/2008 às 11:04 pm [+]

    :)

    MuitoO legal esse filme…
    realidade de muita gente:(…
    Assistam ,e pare para pensar
    como e sofridoO….

    bjoO

  32. carlson Ed Fis Castelo branco
    16/09/2008 às 12:48 am [+]

    Este curta me faz crer que, tudo nesse planeta envolve o capital, trazendo consigo a desigualdade social separando Seres Humanos de Seres humanos.Como se houvesse duas espécies de Seres humanos racionais.Impondo-lhes limites até para seu sustento básico como alimentação.

  33. Marlon
    16/09/2008 às 10:36 pm [+]

    Li todos os comentários, pois preciso criar um paralelo sobre a ausência de informação técnica
    e a miséria das comunidades a partir deste curta. Muito recomentadado, só dar uma olhadinha nos prêmios que este curta ganhou para ter noção da qualidade. Concordo com todo mundo que falou sobre capitalismo, e humanidade, creio que ainda não somos seres “humanos”, pq de humano, não temos nada =[.
    Um dia chegará que partiremos para a evolução do “bem estar” e passaremos a amar uns aos outros como a si mesmo, não é idéia minha!

  34. Renato
    22/09/2008 às 11:46 am [+]

    Ilha Das Flores
    O filme nos mostra a realidade do Brasil e de outros países.
    O capitalismo envolve muitos valores, mas também desvaloriza, tem seus pontos positivos e negativos enquanto uns tem muito outros não tem nada e são explorados vivem na miséria. O capitalista procura ter o menor custo possível, como pagando muito pouco em salários e outros meios de produção, pessoas com baixa renda não tem opção e trabalham sem medir esforços para garantir a sua sobrevivência.

  35. luana
    28/09/2008 às 12:05 pm [+]

    O video é realmente muito interessante. E faz com quem as pessoas que nao tem noçao da realidade la fora saibam que existe sim gente que é tratado como animal, ou pior que isso.
    nao ha nada mais triste do que uma pessoa morrer de fome, isso nao está presente no nosso mundinho, mas devemos abrir nossas mentes para o que acontece no mundo real.

  36. renato
    07/10/2008 às 2:06 pm [+]

    gostei muito!

  37. Nilza Aparecida dos Santos
    11/10/2008 às 7:59 am [+]

    Foi passado em sala de aula, por uma professora no curso de Licenciatura em História da Uniesp- Vespertino no qual sou aluna do 1º semestre.
    Minha opinião:
    1- Algumas pessoas não têm respeito ` dignidade do próximo- se por razões adversas aquelas pessoas necessitassem viver daquilo, o tal criador de porcos deveria ao menos dar uma mangueirada naqueles alimentos e deixar que as pessoas que deles necessitassem os escolhessem antes dos porcos.
    2- Não acho que o problema seja de capitalismo, mas de
    uma questão de saneamento e educação e estrutura, enfim social.
    3- Em quaquer caso deveria ser terminantemente proibido que pessoas sobrevivessem do lixo que tem que ser um problema do poder público.
    4- è preciso começar agora em quanto é tempo resgatar a dignidade destas pessoas, dando-lhes oportunidades de desc~encia e dignidade.
    5- Sugestão: Uma fábrica de vassouras, feitas de pts por exemplo, daria uma ocupação digna a essas pessoas que poderiam comprar seua alimentos.
    6- Alfabetizá-las e incluí-las em programas sociais.
    7- O problema é SOCIAL.

  38. netu navirai
    23/11/2008 às 2:06 pm [+]

    genteee esse longa metragem é mara’
    menha professora de sociologiaa passo isso pros alunos dela como trabalhoo…é meio sem noçao sabe
    mas passa uma verdade q poucos conheçem
    xau bjO me liga lind’s

  39. Juliana e Nathália
    26/11/2008 às 8:56 am [+]

    Esse documentario foi passado para nossa turma pela nossa professora de gramatica.
    Ela pediu para fazermos uma redaçao sobre o caso Ilhas das Flores,e este site nos ajudou bastante na produçao dessa redaçao,fazendo nos entender o que realmente se passa no nosso país e a situaçao grave que esta a cada dia que passa piora mais e mais…

  40. Maria Patrícia
    11/01/2009 às 12:34 am [+]

    Adorei esse documentário…retrata realmente a situação em vivem diversas famílias brasileiras. Essas pessoas ficam ` margem da sociedade, não tendo se quer a bem mais simples que por dever seria um direito de todos, O ALIMENTO.
    Enquanto os nossos governantes e a sociedade capitalista desfrutam de todos os benefícios, a população mais carente vive em total abandono.

    Eu recomendo esse documentário a todos aqueles que queiram obter um conhecimento mais amplo sobre o que é viver ` margem da sociedade.

    Grande abraço ` todos.

  41. Alvaro Eduardo
    22/01/2009 às 2:53 pm [+]

    O filme é maravilhoso! Mostra claramente a realidade dos lixões e a discriminação social brasileira. Já estou elaborando um trabalho para meus alunos, com o tema ”Abandono Social” .
    Saúde e Paz para todos!!!
    Ed!

  42. Elisa
    26/02/2009 às 10:05 am [+]

    Consumistas ! É isso que nós, humanos , somos ! Temos que parar para pensar que a realidade estána nossa frente ! As coisas chegaram a esse ponto por nossa causa ! Afinal , nós somos humanos , podemos pensar ! E criamos essa sociedades , cheia de tecnologia. Se não houvesse tanta coisa no mundo , não existiria pessoas lutando pela sobrevivencia com restos de comida de PORCOS ! Pensem que aquelas pessoas tem 5 minutos para pegar ”comida”

  43. André Bizarria
    10/03/2009 às 4:59 pm [+]

    Excelente o documentario, Jorge Furtado teve iluminado pra fazer esse filme viu. Muito bom seu conteudo, faz uma analise da melhor qualidade quanto ao ser humano. Recomendo a todos. Esse filme foi sugestão do professor de Economia do meu curso de administração. Seus comentarios me ajudaram a resolver o exercicio, e o filme me ajudou a repensar muito sobre desperdicio! Obrigado e um grande abraço a todos.

  44. Gabriela
    15/03/2009 às 5:12 pm [+]

    Estou no 1º semestre dee Pedagogia e o Prof. de Antropologia e Sociologia Da Educação passou esse documentário em sala e pediu p fazer um resummo e dar a nossa opnião! Todos os comentários me ajudaram a fazer um excelente trabalho!

  45. waldemar
    16/03/2009 às 7:50 am [+]

    oie

    esse filme é um lixoooo

    nao assistaammmmm

  46. RAMON
    16/03/2009 às 10:23 am [+]

    eh um lixo esse filme

  47. Paula
    16/03/2009 às 10:26 am [+]

    Assisti o filme na aula de sociologia e o achei muito interessante, mostra a realidade de uma parte da populaçao desconhecida por mim ate agora, é muito triste saber que existem pessoas que estao abaixo dos porcos…
    Abraço

  48. Ananda
    16/03/2009 às 10:30 am [+]

    Sou aluna do sao geraldo e vi este documentario na aula de sociologia, gostei bastante embora seja muito triste a realidade vivida por aquelas pessoas.Queria poder ajuda-las mais isso para mim e impossivel o q me deixa ainda mais triste

  49. sao geraldo
    16/03/2009 às 10:36 am [+]

    O documentario é exelente
    pois mostra o que o capitalismo tem causado na sociedade alem de fazer comparaçoes com situaçoes de humor enfrentadas no meio e as possiveis consequencias da ganancia do homem pelo dinheiro.

  50. cinthya
    19/03/2009 às 12:54 pm [+]

    ILHA DAS FLORES Um documentario muito interesan e muito bom mostra que as vezes os humanos se emportao mais com os animais do que a sua propria espesie apasar que o humano seja o mis inteligente de todas as espesies isto não asta parecendo.

  51. JOSE CARLOS
    21/03/2009 às 3:49 pm [+]

    Incrível a capacidade dos criadores em nos tornar responsáveis por tomates, porcos, crianças e liberdade. Parabens

  52. Alinne Morais
    01/04/2009 às 1:18 pm [+]

    Tbm adorei os comentários
    pois tenhu ki fazer uma analise
    tantu das cenas como da linguagem
    extrutura do texto
    coesão e coerencia

    me ajudem

  53. Alinne Morais
    01/04/2009 às 1:19 pm [+]

    já escrevi algumas coisas mas
    a caixinha di ideias tá fikandi vaizia
    kkkkkkkkkk

  54. barbara cristina pereira taques
    25/04/2009 às 9:53 pm [+]

    em primeiro lugar foi um bom comentario pelo fato de
    mostrar a realidade do mundo de hoje
    si nois seres humanos nao tomarmos cuidado
    com isso daqui ums dias os aminal de verdade vão ser nois.pq ate o porco naow comeu o resto do lixo e eles comerao aonde q

  55. barbara cristina pereira taques
    25/04/2009 às 9:59 pm [+]

    em primeiro lugar eu achei exelente o comentario q vcs fizeram . so q isso quem ta cometendo essas barbaridades somos nois msm pq isso si chama disigualdade social poderia ser totalmente diferente mais ums tem muito e outrs naow tem nada bjoo. vc poderiam fazer um filme sobre isso !

  56. Mary
    10/06/2009 às 5:34 pm [+]

    Este documentário foi produzido por Jorge Furtado.
    Apesar de ter o nome de Ilha das Flores, não existe nenhuma flor na Ilha das Flores.
    Este documentário mostra a infeliz realidade de muitas pessoas que são tratadas como lixo, tem um valor até mais insignificante do que lixo, não tem valor algum.
    De forma ácida e com uma linguagem quase científica, este documentário mostra como a economia gera relações desiguais entre seres humanos.
    Além de mostrar a triste realidade de muitas famílias brasileiras, este documentário fala também em muitos assuntos muito emportantes, como: A Fome, A Desigualdade Social, O Desperdício de Alimentos, Desnutrição Infantil, A Descriminação Social e muitos outros assuntos reunidos em um só documentário, com cenas chocantes, mais infelismente reais. Esse documentário se chama: Ilha das Flores.
    Muitas pessoas morrem no Brasil, por causa da fome, da desnutrição infantil. E enquanto isso, pessoas ficam desperdiçando comida.
    Este documentário recebeu muitas criticas, e acabou sento o vencedor de muitos prêmios de melhor filme de curta-metragem.

    Comentário:
    “Em minha opinião este documentário apesar de ser chocante e apresentar cenas muito fortes, fala sobre a infeliz realidade de muitas pessoas, não só na ilha das Flores, mais também de muitas famílias brasileiras, como já foi retratado no texto acima, eu o recomendo ele a todos, pois este documentário fala sobre assuntos importantes que infelismente se encontram no nosso dia-a-dia, mais que vale a pena assistir, tenho certeza de que você também vai gostar e também vai se emocionar…”.

  57. Laura Santos
    16/06/2009 às 10:21 am [+]

    Hope to get back your reply in my blog after you get it done… God Bless!

    A esperança começar para trás sua resposta em meu blog após você começa-o feito… O deus Bless!

    CORRIGINDO SUA TRADUÇÃO:

    A esperança de voltar a sua resposta no meu blog depois de obtê-lo feito … DEUS ABENÇOE!!!!

    O filme em si, foi bem produzido, porém na abertura dessa edição, aonde vcs postam a frase : DEUS NÃO EXISTE. É uma prova de ingratidão pois ELE existe SIM. E tem ajudado a todos que o procuram.. A humanidade é pecaminosa e entristece o coração de DEUS mas mesmo assim ELE com seu amor e misericórdia tem compaixão de nós e nos presta socorro sempre que precisamos… Deus não tem culpa daquelas pessoas estarem passando por essa situação, Ele colocou o poder de decisão nas nossas mãos, nós elegemos os governantes para poder dar auxilio aos menos necessitados e em POA não é diferente, os políticos que tem que olhar por esse povo… Se isso está acontecendo lá e em tanto outros lugares DEUS não tem nada a ver com isso somos nós mesmo SERES RACIONAIS. Se nós temos o tão importante dinheiro, se nos sobra comida, roupas porque não juntamos e vamos até a ILHA deixar para os moradores? Deus tem que descer do céu para fazer isso??? NÃO. Ele nos deu mais inteligencia e amor para isso, mas não os usamos como deveriamos, vivemos nessa sociedade consumidora e totalmente egoísta… E SAIBA QUE: DEUS ESTÁ DE BRAÇOS ABERTOS PARA AJUDAR QUEM O PROCURA E SÓ ESPERA EM TROCA A NOSSA FIDELIDADE. DEUS ABENÇOE A TODOS.

  58. washington
    03/07/2009 às 2:43 pm [+]

    Olá ,minha professora pediu que fizessemos uma analise sobre esse filme …..
    Em momento tinha feito, mas percebi que a importancia desse assunto é de estremo para nós,os seres humanos com polegar opositor,então resolvi fazer uma pesquisa mais profunda no assunto e um dos sites que encontrei é esse que estou escrevendo.atráves das opinioes descritas aqui me ajudaram muito agradeço a todos por isso.
    um abraço.

  59. Nival Santos Calmon
    13/07/2009 às 10:47 pm [+]

    O q é mais triste e deprimente não é o curta em sim, mas a postura alienada de pessoas como Jailma. Ela se refere ao mesmo como “m****”, “PERDEÇÃO DE TEMPO”. É óbvio q vc não poderia entender, Jailma. Escrevendo “perdeção de tempo” já mostra a sua capacidade de raciocínio. O curta é uma oportunidade para pensarmos o capitalismo, suas mazelas. Muito bom tb para repensarmos nossas ações, uma vez q trata de rede de relações sociais, interações sociais. Ilha das Flores jamais pode significar algo para pessoas alienadas, aliás, tais pessoas, ainda q não viva como aqueles q disputam alimentos q animais não comem também são vítimas do mesmo capitalismo.

  60. Adriana Aparecida Molina
    25/07/2009 às 11:04 pm [+]

    Ilha das flores é um documentário que nos faz refletir sobre uma série de fatos existentes na sociedade. Fala-se em cidadania, temos uma constituição cidadã que refere-se aos seres humanos com direitos iguais. Temos os direitos sociais, direitos humanos, direitos políticos, mas tudo isso só existe de forma bonita em um papel. Vivemos em sistema capitalista hipócrita e injusto. Não faz parte dos interesses desse sistema que as pessoas pensem ou tenham acesso ` educação de qualidade, pois o capitalismo sobrevive da pobreza. Vivemos em uma sociedade onde a ganância,e o individualismo está em primeiro lugar.
    Fala-se em Deus, procuram-se constantemente religiões, mas não se lança um olhar em volta para os nossos semelhantes e as condições reais que acontecem e pouco se preocupam com as ações.

  61. Rafael Abreu
    18/08/2009 às 4:12 pm [+]

    Olá pessoal, dentre todos os comentarios que estão postados, percebo que todos se referem a atitude do proprietario dos porcos, falando que ele poderia deixar as pessoas tirarem primeiro a comida delas para assim, o que sobrar seriam dos porcos, Gente, o dono dos porcos não tem nada haver com os prblemas da sociedade, esse Documentario é exclusivamente culpa das autoridades em que nós colocamos no poder, e cabe a nós reclamar e reinvindicar nosso direitos, então reflitam e pensem 3 vezes antes de escolher alguém pra lhe representar no Governo.

    Tudo isso é minha e sua Culpa.

  62. Nival Calmon
    19/08/2009 às 7:58 pm [+]

    Rafael: creio q vc não leu minhas observações atentamente. Falo de mazelas do capitalismo, de descasos políticos, sendo assim, não me referi em nehum momento ao dono dos porcos. Enfatizei bem mais a postura de Jailma que se refere ao documentário como “M****”.
    De qualquer forma, agradeço a comunicação.

  63. Renata
    28/08/2009 às 3:44 pm [+]

    o filme nos permite construir uma concepçao de vida, alem de que, nos faz ter uma noçao da desigualdade social e politica existente no Brasil. É lamentável a atitude de alguns políticos para com a populaçao necessitada. O filme, também, nos mostra que o capitalismo nao fora apenas ”algo” construtivo para o nosso país. Modificou a vida de milhares de pessoas, deixando-as ` mercê do cúmulo da pobreza!

  64. Daniel Clementino
    12/10/2009 às 3:38 pm [+]

    Fica uma questão para fervilhar esse fórum, não teria a própria comunidade de ilha das flores uma considerável parcela de culpa nessa realidade? Não estou falando do criador de porcos, mas sim da quantidade de crianças presentes no vídeo. Bem ao meu ver falta mesmo é uma boa porção de discernimento e consciencia, por parte das famílias, poxa se eu vivo em uma situação crítica, vou ficar fazendo uma “penca” de filho, aff acho que se diminuírem a natalidade local não teriamos tamanha calamidade. O problema é que o ser humano só perde para o coelho natalidade, mas levando em consideração o tempo de vida, não tem pra ninguem, o povo só faz mesmo é “mete” e depois a culpa é sempre dos outros…

  65. Estefany, Myrcon, Maryo
    31/10/2009 às 7:16 pm [+]

    Bom, gostamos muito da forma que o filme retrata a realidade dessas pessoas, e ficamos indignados da falta de engajamento social de todos, governo e inclusive nós, para que essa situação possa mudar!!!

  66. Vanessa
    16/11/2009 às 3:45 pm [+]

    Gente, é muito bom esse documentário, sou estudante de Serviço Social e tb tive que fazer no começo do semestre uma análise, o que de fato, não foi muito difícil…Aqueles que não gostaram, SÓ LAMENTOO…não possui NENHUM tipo de conhecimento sobre a triste realidade que nos ronda. Parabenizo a todos pelos excelentes comentários…abraçoooos

  67. Rosângela
    02/12/2009 às 9:02 pm [+]

    Alguem pode esclarecer uma dúvida? Está colocado que este filme foi produzido em 1989…
    Eu assisti em 1982 (ou 1983) uma exibição na Refinaria Alberto Pasqualini, em Canoas, quando fazia o Ensino Médio.

  68. Gilmar Pacheco
    14/12/2009 às 12:32 pm [+]

    TRISTE VER ELEITO UMA PESSOA QUE GOVERNA PARA UMA MINORIA.
    Veja o filme de Jorge Furtado e conclua: NOS DIAS DE HOJE: Está muito pior. Sim ou Não.
    Caros senhores moro há 30 anos nesta ilha (Ilha das Flores-Porto Alegre –RS-BRASIL), desde que casei. Quando aqui cheguei podia caminhar e pescar em quase toda a orla do Rio Jacui, hoje para mostrar o rio a meus netos, sobra-me apenas os vãos debaixo da ponte. Mas atentem para o mais grave, esta ilha é patrimônio público-Marinha do Brasil (Ùnico filtro natural d’agua do Estuário Guaíba), mas por que aqui pessoas importantes possuem moradas os Srs. de Alto Poder Aquisitivo em tudo mandam e apossam-se de terras públicas, a eles é concedido o direito de colocarem 1000 ou 2000 mil caçambas de terra em seus pátios, as pessoas que aqui nasceram se colocarem uma única caçamba de terra serão multadas pelo SEMA em um valor elevadíssimo, e veja bem esta única caçamba de terra seria para que seus filhos não morram afogados em épocas de cheias como agora está ocorrendo. Porteiras são colocadas em ruas que eram abertas desde que aqui cheguei, ferindo o sagrado DIREITO CONSTITUCIONAL de IR e VIR. Para segurança de condominio privado. Florestas são devastadas. mudas de figueiras e outras arvores nativas são retiradas, se você fala com o SEMA -Orgão Fiacalizador a resposta é de que eles têm um projeto de reflorestamento, mas como se não plantam uma única arvore após a devastação, e sim uma ou duas palmeiras em um vistoso jardim bem gramado.
    COMO SE NÃO BASTASSE, agora a água que o DMAE (Departamento de Água Exclusiva) e não pública do recém reeleito prefeito colocou água potável somente na rua a beira do rio jacui,onde tem varias residencias de Alto Padrão a margem do Rio Jacuí, esta água que o Dr. Fogaça beneficiou apenas uma minoria, porém a rede principal passa em frente as casas de pessoas nativas da ilha e que moram aqui a mais de 60 anos.(Segundo a lei passando rede pública em frente a sua residencia é obrigatória a ligação) A desculpa é de que a concessionária da rodovia CONCEPA não permitia que se ligasse a água o que não se constitui verdade, entrei em contato na ouvidoria desta empresa e o que eles tem a opor é sómente que não se de infra estrutura as residencias que estiverem em area de risco o que não é o caso dos moradores da Rua Paraná-Arquipélago. Na verdade o que os Srs. de Alto Padrão Aquisitivo querem é que não tenham infra estrutura e eles possam comprar estas terras por valores irrisórios, o qual o DMAE esta conivente, não ligando a rede de água potável. Muitos possuem documentos antigos de suas terras, pescadores hoje merecidamente aposentados.
    Pergunto-vos até onde vão se apossando de terras que são do povo, a margem do Rio é de toda uma população. Solicitar o apoio de jornais nem pensar, eles distorcem a noticia, como a poucos dias foi feito uma reportagem (Rede Globo-RBS-Diario Gaúcho) sobre a água potável, só faltou declararem que os nativos desta ilha não passam de lixo e que vão continuar a receber agua em caminhões pipa.
    Com o cerqueamento de vias públicas estão fazendo condominios privados de alto luxo, em terras públicas e fazendo de toda a ilha um vasto condominio, e garanto-lhes muitos estão ganhando vultuosas quantias, pois aqui vale o antigo ditado: -Quem tem muito, mais quer.
    E os orgãos que deveriam proibir este abuso são inteiramente coniventes.
    Ilha das Flores – PATRIMONIO PÚBLICO OU PRIVADO DE POUCOS PRIVILEGIADOS.

  69. Letícia
    18/05/2010 às 6:40 pm [+]

    Com simples situações do cotidiano e com complexas críticas, o documentário nos informa sobre o desuso do nosso encéfalo altamente desenvolvido.
    Somos seres humanos racionais e capazes de análise e compreensão, porém, nossas atitudes contradizem essa afirmativa. Somo seres individuais, estamos a expandir nosso hedonismo, não buscamos mais apenas o essencial para a sobrevivência; o bem-estar atual dos homens reflete a sociedade capitalista em que estamos inseridos, o bem-estar atual é o lucro.
    O documentário é ótimo, e com certeza é valorizado por aqueles que possuem um senso crítico e ideal para transformar essa realidade. Se não valoriza, concordo com Laura, assista malhação.

  70. Eva
    16/06/2010 às 4:09 pm [+]

    Minha professora passou esse filme pra galera da faculdade, a principio ninguém entendeu nada e não entendemos o pq dela estar passando o filme, mais vendo ele de novo, deu pra perceber e entender que essa é a realidade que mta gnt vive e que isso acontece ao nosso redor,sem que a gnt perceba! é uma pena que ainda exista isso em nosso mundo! a professora pediu que a gnt fizesse uma analise critica! adoreei a ideiia dela ! é um filme bom pra quem não da valor ao que tem! recomendo: quem não assistiu que o assista :D

  71. Ewerton Marubo
    18/06/2010 às 12:15 pm [+]

    Olá

    Meu nome é Ewerton, sou indio, do povo Marubo, da região do Amazonas, da terra indigena Vale do Javari. sou estudante, achei muito interassante a falta de respeito, a falta de consciencia que os nossos governantes tem feito ao longos desse seculos. Na nossa aldeia, em atividades, em materiais, principalmente de alimentos dividimos tudo um aos outros, moramos todos na mesma maloca e vivemos em união.

    Comparando os nao indios, que moram numa casa com uma sala, cozinha, quartos dos filhos, dos país, dividem alimentos somente com os filhos, ganham seu dinheiro individualmente. Tudo isso ja tras individualismo, fazendo com que os mais necessitado ficam numa situação que todos assistiram no filme Ilha das Flores. O que deve acabar é a discriminação entre raças. Temos consciencia que um ser humano é de carne e osso, tem sangue de gente. Principalmente o governante de qualquer país, que come com boca, tens as mão, pés, cabelos, nariz e inteligencia como qualquer pessoa de outras raças. Assim, como nosso caique da aldeia chama todos mundo para comer na sua maloca, o os govenantes nao indios deveria fazer com a sua população, pois quem elege ele, é o povo. Vamos todos colocar na nossa consciencia de acabar com INDIVIDUALISMO, que so assim ESSA PORCARIA DE PROBREZA QUE AFETA MUITOS BRASILEIROS TERÃO UMA VIDA MELHOR, DANDO EDUCAÇÃO E SAÚDE QUE É O PRINCIPAL PARA UM SER HUMANO LEVAR SUA VIDA DIGNA. Portanto, reflitam isso, comparam entre ser indio e nao ser indio. Meu muito obrigado!

  72. Raphael
    01/08/2010 às 4:35 pm [+]

    gostei do solo de guitarra do jimi hendrix no final, em que o narrador fala da liberdade. a melhor frase que ja ouvi na vida. incrivel! assistam

  73. Lidiane
    23/08/2010 às 3:05 pm [+]

    Oi gente esse documentário é otimo para refletirmos como está nossa sociedade e percebemos que precisamos fazer algo sobre essa questão de desigualdade social.
    Adorei os comentários positivos sobre o Curta e tenho pena das pessoas que perderam o seu tempo escrevendo algo que ñ iria ser nda construtivo.
    Obrigado a todos pois foi muito bom ver a visão de outras pessoas sobre o Documentário para mim ajudar na minha analise para Faculdade Agradeço!!!
    Bjos e a Assistam é otimo pra acordar pra vida e percebe a além do umbigo!!

  74. Eliane
    12/09/2010 às 4:05 pm [+]

    Fantástico, este documentário traz divesas questões cruciais para se compreender como funciona o atual sistema, o capitalismo, que é eficiente para produzir e ineficiente para distribuir. É preciso muitos terem pouco e poucos terem muito, é isso que o sustenta. A probreza é estrutural, é um aspecto intrinseco ao sistema. O documentário Ilha das Flores retrata bem isto, percebe-se no final: “O que coloca os seres humanos na ‘Ilha das Flores’ depois dos porcos na prioridade da escolha de alimentos é o fato de não terem dinheiro nem dono. O ser humano se diferencia dos outros animais pelo telencéfalo altamente desenvolvido, pelo polegar opositor e por servir. Livre é o estado daquele que tem liberdade, liberdade é uma palavra do sonho humano que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda”.

  75. bruna
    09/11/2010 às 8:15 pm [+]

    meu isso e doido

  76. wendell
    16/02/2011 às 8:44 am [+]

    esse video e muito triste e mostra a realidade da vida humana

  77. Fabricia Portela
    23/05/2011 às 10:16 pm [+]

    ooi ^^
    Muito obrigado pelo comentário de vcs, foi mto util pra eu poder fazer minha tarefa de casa :9
    eu assisti esse curta e gostei muito, achei mto chocante em ver como o sistema capitalista haje em nossa sociedade e nem nos damos conta disso
    Bjoo :*

  78. rafinha
    24/05/2011 às 8:32 pm [+]

    isso e oriiveu nossa cara como eles tem coragemde faser isso esas pessoas não tem coração

  79. rosy bitencourt
    25/05/2011 às 1:21 pm [+]

    como alguem pode dizer que amou o documentario ilha das flores não esta vendo que ali e uma desigualdade cruel com o individuo como pode dar o resto dos alimentos dos porcos para os seres humanos.e pior e que isso não e só um filme e vida real acontece do lado de nossas casas e não ligamos, muito menos importamos com esses individuos não sejamaos ipocritas em pensar que só os outros vazem isso com esses indivuduos nos também fazemos é todos os dias quando vemos os catadores de lixo nas nossas ruas e deixamos eles comerem aquilo que os porcos não querem.por que não podemos pegar um prato de comida e dar pra esse individuo.claro que não e comodo mais julgar os outros é.

  80. erivanilma
    14/06/2011 às 2:56 pm [+]

    esse filme nos relata a verdadeira historia,a realidade em q vivemos…pobresa desigualdade social…entre outros.issoé uma vergonha para o nosso pais…

  81. tainá
    25/08/2011 às 7:52 pm [+]

    não costei tesse troço

  82. Moises Leandro da Silva
    27/08/2011 às 10:45 am [+]

    Na verdade, na verdade vos digo,o problema da humanidade não é o capitalismo,socialismo,comunismo, monarquia e etc… O problema da humanidade é o ser humano o que Jesus já ensinou a mais de 2 mil anos atrás. Muitos jovens idealistas hoje serão capitalistas selvagens amanhã.”Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. João 8:32.

  83. jozé
    13/09/2011 às 1:37 pm [+]

    otimo!!!

  84. Bruno
    03/10/2011 às 11:06 pm [+]

    O filme não tem nada a ver com capitalismo. O capitalismo gera muito mais riqueza do que pobreza. O que matou milhões, MILHÕES! de pessoas no mundo foi o comunismo e o socialismo. Qualquer um com um telencéfalo desenvolvido e um polegar opositor sabe disso…

  85. waleria guimaraes de sousa
    21/10/2011 às 9:50 pm [+]

    Esse filme é maravilhoso!é uma ótima forma de mostrar as pessoas qual a nossa verdadeira realidade,como é a nossa verdadeiara e trágica história de vida como no hoje ,no agora ,no presente devemos nos comportar, tratar as pessoas de forma igaul,pois elas sao carne da nossa carne e sangue do nosso sangue.sao seres humanos que tambem como nos podem errar.ATENÇAO NOS TAMBEM UM DIA SE NAO CUIDARMOS MELHOR DE NOS MESMOS PODEREMOS ESTA COMENDO APENAS OS RESTO DOS PORCOS.OBRIGADA PELA ATENÇAO.

  86. moacir bertucci
    04/12/2011 às 8:40 pm [+]

    O capitalismo é isso. Se você pensa que só na Índia é que existem muitíssimos milhões de pessoas na miséria,
    mais que absoluta, comecem a ver além daquilo que nos é passado, de graça, pelos donos da comunicação visual, auditiva e impressa. O capitalismo é sociedade de classes. Para que a classe rica (0,1% da população mundial) tenha 90% das riquezas do mundo ela
    condena 94% de seres iguaisinhos a ela (classe rica) a morrerem de todos os tipos de mortes, mais cedo do
    que deveriam, bem como nas piores situações possíveis (os outros 5,9% da população pertencem a classe média). Para o capitalismo sobreviver é necessário que esta situação exista permanentemente. Por volta de
    1950 sabem quais regiões do mundo eram subdesenvolvidas? América Latina, Ásia (menos Japão) e África inteira com excessão dos brancos da África do
    Sul. E quem eram os desenvolvidos? Europa, eua e Canadá, Japão.
    2011 hoje, final do ano, 61 anos depois, o mundo se desenvolveu, tremendamente, e sabem quem são os desenvolvidos e subdesenvolvidos? Leia, novamente, acima, são os mesmos, acreditem, são os mesmos. Mas mudou alguma coisa: 1) Os países ricos (ou os ricos dos países ricos) estão com muito mais riquesas concentradas em suas milhões de mãos (um polvo, realmente, pavoroso), 2) Formaram, com a globalização,
    uma classe de ricos, em cada nação subdesenvolvida, subordinada a êles, para o controle das castas sociais. A classe média, em todo o capitalismo, servem de figuras de exemplo que é possível estar bem ou muito bem de vida com seu esforço (iniciando negócios, fazendo faculdades, etc.)
    Portanto, esta era a situação de ontem, é a de hoje, e
    se não destruírem o planeta logo, êles desejam que seja para todos os séculos e séculos, Amém. Sejamos, um mínimo, inteligentes. Não vamos continuar nos irmanando em torno das bobagens que êles nos lançam.
    Vamos nos irmanar em torno de mudança no sistema econômico, para, quem sabe, nós todos, ajudemos a salvar nossa mãe ou nosso pai (o Planeta), e, todos,
    estabelecermos, uma Comunidade Mundial que possa desenvolver-se de fato, não com produtos que muitas vezes são contra a nossa Vida (carros, por ex.). Assim,como o Universo, os conhecimentos são infinitos e isso, sim, seria um desenvolvimento que daria significado à nossas Vidas. Parabéns, ao criador deste magnífico documentário.

  87. fritz
    03/05/2012 às 2:05 pm [+]

    eu vi esse filme 4vezes na escola.e uma me*****a

  88. AKLA MARIA
    27/10/2012 às 12:56 pm [+]

    EU ESTOU COM UMA PESQUISA NA MINHA ESCOLA SOB ESSE FILME, E AO ASSISTIR ELE EU PUDE TER MAIS UM POUCO DE COMPREENÇÃO A RESPEITO SOB O FILME ILHA DAS FLORES Q PRA ME FOI UM FILME MUITO DOLOROSO AO VER A HUMANIDADE SOFRENDO POR CONTA DE ALIMENTO PARA SE SOBREVIVER JENTE VAMOS CAI NA REAL , POUPE MMAIS O DESPEDICIR DE ALIMENTO PQ EMQUANTO NOS DESPENDISSAMOS TEM OUTRAS PERSSOAS Q N TEM NADA PARA SE ALIMENTA VAMOS COLABORA. DESDE JA OBG.

  89. Maria Josa Silva do Nascimento
    13/10/2013 às 11:29 pm [+]

    Olá ILHA DAS FLORES ,é constantemente, constrangida:
    Achei triste demais á sociedade comunismo em que se retrata.
    Emfim esse é meu comentário!!!
    De uma tecnologa que ainda tem um ano e meio para pela frente para se formar??

Comente!