Para não acredita que as propagandas só servem para tomar nosso tempo, perturbar nosso juízo e atrapalhar nosso entretenimento, apresento um vídeo bem interessante à la Pedro Bial. Traz uma reflexão que todos os homens deveriam ter no mundo. É intitulado no Youtube como “Filme Final – The End”. Dá uma espiadinha. 😛

Se a empresa paulista, anunciante da tal peça, a Metal Sinter, faz a parte dela, não posso afirmar, mas podemos garantir que a propaganda faz. Tanto a função de nos levar à reflexão quanto à empatia pela empresa – e por que não?

Voltando para a função da propaganda, quem se atreve a dizer que nenhuma propaganda o entretém, faz rir ou se emocionar? Naturalmente, a propaganda se utiliza de diversas técnicas – cinematográficas, psicológicas, sociais e por aí vai – para nos levar à empatia pela empresa e ao consumo. A emoção é fundamental na propaganda. A razão vem depois – mas vem.

A propaganda entretém.
A propaganda emociona.
A propaganda educa.

E quem poderia esquecer?

A propaganda persuade.

•••