Macabro? Mórbido? Ou uma luz no fim do túnel para quem quer aproveitar cada minuto da vida? Bom, independente do objetivo, a invenção do designer americano Frederik Colting está criando polêmica na internet. Afinal, quem gostaria de carregar no pulso, em contagem regressiva, o tempo que falta para o usuário morrer!?

relógio da morte

Tikker é o nome do gadget que dá os anos, meses, dias, horas, minutos e até segundos que restam de vida para o usuário. O objetivo do dispositivo, a despeito de qualquer ideia mórbida, é dar a chance para as pessoas aproveitarem cada segundinho que lhes resta. Uma forma bastante positiva diante da angústia do tempo que está se esgotando…

Além da contagem detalhada do tempo para a morte, o relógio também mostra em seu visor as horas convencionais. E para saber quanto tempo ainda falta para o usuário, ele precisa responder a um questionário com perguntas sobre estilo de vida e saúde, fornecendo um resultado de quanto ainda lhe resta na Terra.

O projeto de gadget já funciona, mas está à procura de investimento para comercializar o relógio Tikker, que precisa de cerca de 25 mil dólares para ir ao mercado. Mas o projeto já está em pré-venda e promete estar circulando até abril do próximo ano.

No site My Tikker, cada produto custa 59 dólares, cerca de 140 reais.

•••